Visit Blog
Explore Tumblr blogs with no restrictions, modern design and the best experience.
#aprender inglês
learningenglishpro · 2 years ago
Photo
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Another batch of English learning fun for you! If you love our content, why not head over to our YouTube channel and SUBSCRIBE to get access to our amazing video Lessons!
Just click the link!
https://www.youtube.com/channel/UCFTqEunpCvGn4EP021KTqRw
39 notes · View notes
l-lase-blog · 6 years ago
Text
Os substantivos
“A noun is a kind of word that is usually the name of something such as a person, place, thing, quality, or idea.” 
Nomes próprios
São aqueles que indicam uma pessoa, um país, uma cidade. É algo que é exclusivo, de que apenas existe um. Peter     London    New York Pedro    Londres    Nova Iorque
Nomes Comuns
São aqueles que indicam algo que pertence a uma classe de coisas, isto é, muitos do mesmo tipo, não são únicos.
Chair       Table     House
Cadeira    Mesa     Casa
Entre os nomes comuns, podem diferenciá-los entre nomes concretos e nomes abstratos, estes por sua que vez que podem ser contáveis e incontáveis.
Nomes contáveis
Aqueles que podem ser contados. Car Carro Pencil Lápis
Nomes incontáveis
Aqueles que não podem ser contados.
Milk
Leite
Butter
Manteiga
Nomes concretos
Referem-se á coisas tangíveis, que são percebidas pelos sentidos, e você pode tocar, ver, cheirar, etc
Nomes concretos contáveis (exemplos)
Book
Livro
Door
Porta
Dog
Cão
House
Casa
Nomes concretos incontáveis (exemplos)
Butter
Manteiga
Milk
Leite
Money
Dinheiro
Nomes abstratos
São aqueles que expressam qualidades e estados, por conseguinte, não são percebidos pelos sentidos. Se considerarmos um objeto comum, como uma cadeira, esta apresenta vários atributos como comprimento, força, altura, etc. Embora a cadeira seja um objeto perceptível e tangível, estas qualidades referentes à sua forma e textura não são.
Nomes abstratos contáveis
Difficulty
Dificuldade
Hope
Esperança
Nomes abstratos incontáveis
Love
Amor
Friendship
Amizade
Plural dos substantivos
Como regra geral, à todos os nomes são adicionas -s para o plural de suas palavras:
Chairs
Houses
Cats
Existem execeções para esta regra, vamos estudar a primeira: Todos os nomes finalizados com s, ss, x, sh, ch o adicionem es para formarem o plural.
Potato    Potatoes
Batata    Batatas
Church     Churches 
Igreja        Igrejas Bus            Buses 
Ônibus     Ônibus
Box          Boxes
Caixa      Caixas
44 notes · View notes
learningenglishpro · 2 years ago
Photo
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Tumblr media
Another batch of our famous vocabulary slides! Your English will always improve when you join LearningEnglishPRO! We have great video content for Teachers on our YouTube Channel!
Click the link and subscribe today!
https://www.youtube.com/channel/UCFTqEunpCvGn4EP021KTqRw
14 notes · View notes
learningenglishpro · 2 years ago
Video
youtube
Count to Ten: Learn English!
Get counting right now with our fun video and learn to count to 10 in English!
Subscribe to our YouTube channel! It is awesome
https://www.youtube.com/channel/UCFTqEunpCvGn4EP021KTqRw
4 notes · View notes
ideiasverdesfuriosas · 2 years ago
Text
-Boa tarde. A senhora fala inglês?
-Boa tarde! Falo sim.
A conversa segue em inglês.
-Português é difícil, mas vou aprender. Tem palavras difíceis...
-Ih, algumas palavras nem a gente fala direito, imagina estrangeiro. Foi caro aprender inglês, mas eu gostava, estudei bastante.
-Por que a senhora aprendeu inglês?
-Por que..? Ora, porque precisava. Pra viajar, trabalhar...
-Aprendi pra falar com estrangeiros. É curioso que aqui no Brasil pouca gente fala inglês.
-É porque é muito caro fazer o curso, oras!
-Mas de onde eu venho, todo mundo aprende muito inglês na escola. Até os pobres. Precisamos sempre falar com muitos estrangeiros.
-Bem, a gente também precisa, mas... pensando bem, nem sei como isso dá certo. Tantos turistas aqui... deve ser bem confuso pedir informações...
-O Brasil é muito bonito. Um país tão rico devia falar inglês.
-Rico??? Mas o país está uma bagunça! É crise política, financeira, familiar, psicótica, crise na segurança, papelão na carne, internet lenta, crise até de meia idade..! Claro que temos umas riquezas, mas são mal distribuídas e, hã, bem... Não somos ricos não. Comparando com a Suécia, Estados Unidos, Alemanha...
-A senhora está comparando com os países errados. Onde eu morava, todos chamam o Brasil de país rico. Aqui é um ótimo lugar pra morar. Tenho saudades de casa, mas vivo muito bem aqui.
-Perdão, de onde o senhor é?
-Gana, a senhora não deve conhecer. Fica na África.
Que tapa de luva, meus amigos.
Talita Emrich, 5/2016
105 notes · View notes
velhopoema · a month ago
Roi, queria desabafar :(
Tenho 20 anos, estou paradona agora, terminei o ensino médio, trabalhei como aprendiz por um tempo, mas depois o contrato acabou e fiquei nessa busca triste por um emprego de novo, e com a situação do país e exigência de recrutadores, eu tô bem ferrada kkkk rindo pra não chorar
Acontece que há 3 meses eu venho estudando pra concurso, é bem concorrido e demanda muuuito estudo, eu não tive um base boa então comecei do ZERO MESMO, do nível que... Nem sabia dividir com vírgula sabe? Kkkk mas tô evoluindo
Minha faculdade é online, eu só comecei ela pra prestar concurso pra nível superior mesmo...
Eu sinto uma cobrança grande dos meus pais comigo, sabe. Aos 13 eu já estava estudando inglês, passei 5 anos estudando inglês paralelo a outros cursos, e eles sempre me colocavam pra fazer cursos, melhorar o cv e tals
Minha irmã tem 15 anos agora, ela já demonstrou que não quer aprender inglês (não agora) nem quer fazer outro curso, eles aceitam. Estudei francês por um curto tempo e sai da escola, agora meus pais querem que eu estude francês de novo, em um bairro longe demais, pagando livros, mensalidades, e eu me sinto mal por isso, pois é um dinheiro que eles poderiam pagar contas e fazer outras coisas, eu realmente não estou animada com a ideia de ter aulas de francês de novo, mas meu pai quer que eu estude... Tenho medo de negar, pois uma vez fiz isso e ele me disse que eu não queria nada com a vida (algo sem sentido, pois sou muito esforçada), mas não quero que gastem dinheiro comigo neste momento.
Eu fico muito ansiosa pq passar em concurso está cada vez mais difícil, estou me focando nisso pq é a única coisa que ainda faz sentido pra mim.
Entendo que eles querem me ajudar, mas eles não exigem e não cobram o mesmo da minha irmã, quando... na idade dela eu já estava em vários cursos.
A questão é: eu sinto, profundamente, que eles projetam e exigem coisas de mim que eles queriam muito ter realizado na vida deles, e eu sou muito grata por todo o suporte que eles dão, mas as vezes me sinto OBRIGADA a dizer sim, quando quero dizer não, como se eu sempre tivesse que agradar meus pais, seja em pequenas ou grandes coisas. E aí eu cobro muito de mim, sou rígida demais comigo pra conseguir realizar a expectativa que eles tem em mim. Tu entende?
Estou me sentindo bem esgotada e triste. Outras pessoas em meu lugar diriam algo como: há, quem dera eu tivesse pais que me dessem suporte nos estudos e tudo mais.
Acontece que eles já me dão um suporte com a faculdade, coisa que eu até tentei esconder, tranquei a faculdade antes da minha demissão, pra não deixar nada pendente e seguir estudando pra concurso. Mas eles se dispuseram a pagar, eu sou imensamente grata, mas não queria que gastassem ALÉM disso. Por hora basta, por hora eu quero me dedicar a estudar pra concurso.
Eu estou criando coragem pra dizer ao meu pai que eu não estou com vontade de fazer o curso de idioma agora, e que ele poderia focar mais na minha irmã. Porque eu já me sinto um peso, não contribuo financeiramente, eu dependo deles, não quero ser um fardo.
Não sei se vc me entendeu, gradeço se puder me dar uma palavra.
Olá.
Olhando assim, me bateu até a bad. Porque os meus não querem nem pagar um remédio para mim e olha que preciso REAL dele... E quando passei nas federais, nem felizes ficaram, só disseram que estudo não ia me dar nada. Kkk
Enfim, você não é obrigada a aceitar tudo, muito menos por serem seus pais. Você não pode viver sem questionar a vida que eles querem para você, tem que viver a sua vida de acordo com o que você quer, tem que fazer suas escolhas. Sei que vão falar um monte com você, já passei por isso, mas eles já viveram e ainda estão vivendo a vida deles. Agora é a sua vez de fazer escolhas, de errar e de aprender.
Conversa com eles, explica tudo e imponha sua opinião e escolha. E se falarem alguma coisa, ignore e finja que não é com você.
5 notes · View notes